Fertilizantes orgânicos e organominerais: como funcionam?

Quer saber como funcionam os fertilizantes orgânicos e organominerais? Veja as vantagens no seu uso, as aplicações e razões para utilizá-los.



Entre julho e agosto de 2021, houve um aumento radical nos preços do nitrogênio, fósforo e do potássio, devido a problemas de fornecimento por parte da Rússia. Como estes são os principais componentes dos adubos químicos, isso impactou fortemente os valores do produto, o que fez com que a procura por fertilizantes orgânicos e organominerais aumentasse bastante. Com a guerra entre Rússia e Ucrânia, a situação se agravou.


“Em primeiro lugar, essa subida de preços trouxe um boom na procura por adubos orgânicos e organominerais. Alguns clientes já tinham a consciência sobre sustentabilidade e economia circular, enquanto outros acabaram buscando este recurso pela questão do valor”, analisa Cesar de Conti Gutierrez, coordenador comercial da Organosolví.

Mas, afinal, como funcionam estes adubos? Como podem ser utilizados? Quais as vantagens de usar fertilizantes orgânicos e organominerais em uma plantação? Confira abaixo as respostas para todos estes questionamentos.


Perguntas mais comuns sobre fertilizantes orgânicos e organominerais


Quais são fertilizantes orgânicos?

Primordialmente, os fertilizantes orgânicos são feitos a partir de matéria-prima vegetal e animal. Por fim, são obtidos a partir da compostagem.

O que são organominerais?

Em primeiro lugar, os fertilizantes organominerais são adubos orgânicos enriquecidos com nutrientes minerais. Estes são fabricados industrialmente e acrescentados à matéria-prima orgânica.

Qual a diferença entre adubo orgânico e organomineral?

Acima de tudo, a principal diferença é que o adubo organomineral conta com a adição de minerais, que trazem macronutrientes para o solo.

Quais os principais tipos de fertilizantes orgânicos? Explique suas funções.

Na Organosolví, há o Organo+ Farelado e o Organo+ Granulado. Ambos possuem as mesmas características, porém o granulado é utilizado para adubação via plantadeiras juntamente com a semeadura em culturas de plantio mecanizado em linhas.


Fertilizantes orgânicos

Em primeiro lugar, os fertilizantes orgânicos são feitos a partir de resíduos animais e vegetais. “Esta matéria-prima é proveniente tanto da agroindústria quanto de podas de árvore e cascas. Sobretudo, é composta de tipo de resíduo vegetal e animal que você pode aproveitar”, revela Gutierrez.

Como os fertilizantes orgânicos são produzidos?

Fertilizantes organominerais

Fertilizantes orgânicos e organominerais: por que usar?

Fertilizantes orgânicos e organominerais: vantagens





19 visualizações0 comentário